25 de mai de 2016


Um pouco sobre mim...


Faz tempo que não escrevo no blog. Sinto falta dessa conexão. Quando trabalhava com e.v.a e criei um blog láaa em 2008, a moda de ter uma página ainda era algo muito recente.
Pagávamos pessoas entendidas nos assuntos de personalização para decorar até setinha (cursor) do mouse. Trocávamos selinhos que deixávamos expostos na barra lateral, tínhamos contadores de visitas, de seguidores... era uma chuva de comentários e trocas. Com a vinda do facebook e fanpages, os blogs esfriaram para contatos com colegas do mesmo segmento e todos migraram pra lá mas, acredito que pra quem está chegando, pelas buscas no Google, essa ferramenta é super bacana para nos conectar com clientes e novas colegas de trabalho.

Para você que ainda não me conhece, sou a Natália, tenho 31 anos (preciso lembrar de atualizar essa informação todo ano rs), moro na região serrana do Rio de Janeiro e comecei no artesanato com 14/15 anos mas desde criança me interesso pelo assunto.

Por volta dos meus 8 anos, aprendi com outra criança a fazer pontinho de tricô ( umas ondinhas, e só) para confeccionar gorrinhos de Barbie. Minha mãe tinha barraquinha de roupas na feira da cidade e levava meus gorrinhos para vender também. Lembro até hoje o valor: R$ 0,50 centavos cada. E vendia todos no mesmo dia! 

Depois, por volta dos meus 12/13 anos, me interessei por papel. Naquela época, quando falo papel, era cartolina mesmo. Fazia boneequinhas de papel para decorar agenda, caderno e até para riscar estrelas e colar ( com cola mesmoooo) no teto para dar efeito teen ( coitada da minha mãe e do pedreiro anos depois para descolar aquelas estrelas).

Com 14/15 anos, comprei uma revista de biscuit e comecei a treinar. Naquela época ( gente, tô me sentindo antiga já) tínhamos que fazer nossa própria massa. Só de lembrar dá tristeza tamanha sofrência! Nesse mesmo período já namorava meu marido e fui inventar de fazer a técnica do coador de café aplicado em caixa. Juntar coadores não foi difícil pq minha mãe sempre adorou café mas e na hora de passar verniz na caixa? O único que tinha era verniz de porta, aquele com cheiro ultra forte. Passei ele mesmo e o cheiro reinou no prédio inteiro por dias. Tenho essa caixa até hoje.

Depois disso fui me aperfeiçoando fazendo peças de aniversário para minha sobrinha, já era época de estágio do Magistério também e a criatividade ia fluindo. Em 2008 minha irmã criou um blog sobre pedagogia e me incentivou a ter o meu também. Menos de um ano com blog no ar, já estava fazendo vendas online para outras cidades.

O nome do meu blog era Algodão Doce Artesanatos. Fazia de tudo. Painel para escola, pote para cozinha, lembrancinhas... Quando mudei a minha linha de trabalho para biscuit focando apenas em festas infantis, resolvi trocar pq esse nome já tinha se tornado muito popular. Vários blogs do mesmo e de outros segmentos estavam utilizando o Algodão Doce Artesanatos.

Sendo assim, criei o Chuva de Brigadeiro Design de Festas e comecei do zero minha loja virtual, fanpage no facebook ( excluí a anterior com 15 mil curtidores) e, um novo blog ( o anterior tinha 4 milhões de acessos)!
Comecei o novo projeto fazendo pequenas decorações de festas com estilo bem artesanal mas precisei deixar adormecido por questões de locomoção e espaço. Meu ateliê já estava sobrecarregado demais de material. Percebi então que estava voltando novamente ao ponto que me fez querer mudar: TRABALHO SOBRECARREGADO. Eu sou a empresa inteira. Única. E com um agravante: tenho que me organizar para dar conta dos trabalhos de casa e como mãe.

Saí da linha de produção em quantidade, que varava a noite ( já fiquei 36 horas acordada), para me dedicar ao artesanato de forma extremamente seletiva, nada de temas que não me identifico. Personalizo peças exclusivas totalmente feitas à mão e com o coração! 



O estilo do Chuva de Brigadeiro Design de Festas é de modelagem fofinha/infantil. Com o tempo, você aprende a ter sua própria linha de criação, fazer sua própria leitura de um personagem e isso é maravilhoso!


Ah! Esqueci de contar um detalhe! Em 2014 criei um canal no YouTube chamado "Coisas da Nat" para não misturar o profissional com esse projeto de aulinhas gratuitas. Lá ensino de tudo um pouco: peças em e.v.a com moldes, biscuit, tecido, feltro, tem mimimi também...Gosto bastante do meu cantinho por lá e procuro fazer pelo menos 1 vídeo por semana.

Vendo minhas fotos, vídeos... enfim... todo o meu conteúdo, percebo o quanto evoluí, amadureci... como pessoa e profissional. A sensação é maravilhosa e ainda tenho muito caminho pela frente, com a graça de Deus. 

Então é isso. Pra você que deseja conhecer um pouco mais do meu trabalho, te convido a acessar meu Instagram @coisasdanat que posto making off das produções, peças prontas, coisas do meu dia a dia, minha pandinha Juju... e, para conhecer meu canal no YouTube, clique aqui  . Os moldes ficam neste blog mesmo pelo marcador "canal no youtube moldes" que fica na lateral direita da tela.

Escrever esse post foi uma alegria enorme e me trouxe ótimas recordações. Espero que tenham gostado também! Bjão!






0

0 comentários: