6 de jun de 2016


A evolução do trabalho com biscuit

 Oieeee!
O post de hoje é para mais um dedinho de prosa sobre o meu trabalho.
Já contei sobre como comecei no artesanato aqui lembra? 
Desta vez, falarei sobre minha evolução no biscuit.

Abaixo minhas duas primeiras obras de arte: um peixe decorando a frente de uma cartinha para meu namorado ( hoje marido) porque claro, super combina um peixe em um envelope de cartinha de amor né? Como se não bastasse, você vai lá e presenteia o namorado (na mesma época) com uma boneca sentada com roupa de Hello Kitty pra servir de porta-recados. E puxando mais ainda do fundo do baú, lembro que esse aplique da Hello Kitty arranquei de uma pregadeira da minha sobrinha. Tudo pela arte, claro!
Nessa época eu tinha cismado com filtro de café em tudo. A base da boneca era de papelão com filtro de café e verniz. Pregador da Mami roubado por uma boa causa.
Naquela época eu não tinha ferramentas de biscuit e fiz as barras e mangas da blusa usando um palito de churrasco. Para pintar a boca também precisei improvisar e usei agulha molhada na tinta para dar os traços.


A boa notícia é que tudo nessa vida evolui. Analisando a foto acima é como se eu estivesse assistindo aquelas fitas VHS dos registros caseiros de antigamente onde era moda usar corte de cabelo by Chitãozinho & Xororó sabe?  

Dezesseis anos se passaram e eis meu atual estágio de produção: 



A verdade é que cada vez mais me apaixono pelo mundo do artesanato. Não me envergonho das minhas primeiras produções. Elas são ricas em histórias. Consigo voltar no tempo exatamente no dia em que elas foram produzidas e, quando olho as fotos de cada trabalho atualmente,também me contam histórias. Consigo lembrar exatamente o meu dia na produção de cada uma delas.

Como é maravilhoso relatar algumas histórias aqui no blog. Me sinto como a minha mãe falando da época da Jovem Guarda rsrsrsrs

"Tudo o que um sonho precisa para ser realizado é alguém que acredite que ele possa ser realizado."
( Roberto Shinyashiki)

Um beijão!

1

Um comentário:

  1. Amei ouvir sua história. Tb viajo quando vejo as fotos dos meus primeiros trabalhos. Deus abençoe muito sua vida e seus talentos. Bjos

    ResponderExcluir