25 de jul de 2016


O estresse que ninguém conta...


Já reparou que está na moda comemorar "mesversários" dos bebês com pequenas decorações caseiras até a festa de 1 ano?
Depois que nos tornamos mães (ou até antes), ficamos muito interessadas no mundo de festas infantis.
Lembro que 6 meses antes da minha filha completar 1 ano já estava planejando a festa. E sou assim até hoje, 11 anos depois rsrsrs

O que poucas pessoas comentam é o estresse que passamos até chegar o grande dia e até mesmo no dia!
E é disso que quero falar nesse post.


Parece ser impossível que tudo seja perfeito, e é! 
A parte decorativa, prestações de serviços... podem sair perfeitas (ou não) mas sempre terão fatores de stress. O bebê não dormirá direito ou virão parentes de longe se instalando na sua casa causando mais correria e desdobramento de atenção, você não dormirá bem ou o sapato de salto usado na festa inteira irá te fazer pagar todos os seus pecados.

Aproveitar a festa? Comer? Isso não te pertence! Você terá que cumprimentar e dar atenção a um monte de gente (além do bebê) e mal se lembrará de comer.
Até as menores festinhas serão festas. Isso envolve brigadeiro no chão, descartáveis que não acabam mais...

Agora multiplica esse stress quando as mamães são as que produzem as lembrancinhas e boa parte da decoração? Escrevendo esse post passa um filme na minha cabeça! Em 11 anos já fizemos festas em diversos lugares para a Mari : salão de festas, escola, salão do condomínio e em casa.
TODOS possuem seu grau de estresse!

Na escola por exemplo, tínhamos 2 horas para tudo: arrumar, receber as crianças, tirar foto, lanchar, cantar parabéns e desarrumar. Nunca olhei tanto para o relógio como naquele dia!
Claro que terão mães descomplicadas que manda tudo e a professora faz. As que estendem uma toalha na mesa e cantam apenas parabéns... Mas esse post é para as mamães loucas por festas e mães loucas por festas nunca vão mandar a professora fazer a comemoração sozinha com a turma. 
Muito seco pra nós! rsrsrs


No final das contas sempre valerá a pena!
Você colocará na balança e somente as coisas boas ficarão no coração.
O pezinho sujo da sua filha de tanto brincar, a alegria de cantar parabéns e assoprar a velinha, a reunião dos familiares e amigos... E principalmente a celebração da vida!

Nunca dei festas luxuosas mas sempre procurei elaborar fofuras e temas legais dentro do que minha filha gostava. É prazeroso e acredito que se você se propõe a fazer uma comemoração, deve ser acolhedora.

As mamães loucas por festas sairão das festas com cabelos em pé mas basta dormir, descansar que já começa a matutar o tema do próximo ano! Não tem jeito! A gente gooooosta!


Esse ano como já contei em partes aqui no blog, estou com o desafio da elaboração da primeira festinha teen da minha filha.
Faremos em casa para pouquíssimas pessoas mas aquele carinho e coisas fofurentas não podem faltar! 

Acredito que devemos ser assim para a vida. Sempre passaremos por estresse ,cansaços... mas a cor é você quem dá. A monotonia só se instala se você deixar!

Por um mundo cheio de fofuras e crianças! <3
Obrigada pela companhia!

*** imagens: Pinterest
0

0 comentários: